• Artigos

  • Relatos

  • Dicas e
    curiosidades

  • Eventos

  • Dicas de
    viagem

Caliterra – Rumo ao Cenit

22/08/2012::Christovão de Oliveira Júnior

Clique para ampliar

Quando Robert Mondavi decidiu que investiria no Chile sua primeira providência foi procurar um parceiro local para um empreendimento conjunto. Decidiu visitar as vinícolas de maior renome do país para ver como trabalhavam e qual delas poderia ser sua parceira. Depois de diversas visitas a escolha de Mondavi foi surpreendente: decidiu que não haveria melhor parceiro para um empreendimento do que... seu guia local, seu chofer!!! A paixão pelo vinho que Eduardo Chadwick mostrava em cada frase foi suficiente para convencer Mondavi que ele não poderia ter um melhor parceiro do que aquele jovem apaixonado e entusiasmado. Mondavi ficou interessado no potencial chileno desde sua primeira visita ao Chile em 1985, mas a decisão de investir ali veio somente seis anos depois quando ele conheceu Eduardo Chadwick. O primeiro empreendimento foi a produção do Seña, um dos ícones chilenos de maior prestígio no exterior...

Eduardo conta que o que ele aprendeu com Robert Mondavi foi, para ele, de inestimável valor e que ainda hoje segue preceitos e valores desenvolvidos a partir do trabalho conjunto. Atualmente a família Chadwick é dona da totalidade do empreendimento, mas o nome de Mondavi jamais é esquecido nas degustações, palestras e qualquer tipo de conversa sobre os vinhos da empresa.

Clique para ampliar

O grupo Chadwick

As vinícolas de Eduardo Chadwick formam o terceiro maior grupo chileno na área vinícola e conta com as bodegas: Errazuriz, Seña – Chadwick – Caliterra e Arboleda. O grupo elabora alguns dos mais reconhecidos e valorizados vinhos chilenos da atualidade.

A filosofia de Eduardo Chadwick

Segundo o jovem enólogo da Caliterra, Rodrigo Zamorano, qualidade é a obsessão de Eduardo. Rodrigo conta que a palavra qualidade é muito mais que uma constante em cada frase de Chadwick sobre cada etapa da elaboração de seus vinhos. Além disso, divulgar e elevar o nome do Chile é outra tarefa que ele toma como um verdadeiro Don Quixote. Eduardo é alpinista e seu sonho é levar ao cume não apenas os seus vinhos, mas também o nome do Chile.

Clique para ampliar

A confiança no que produz

Chadwick não tem receio em viajar pelo mundo com seus vinhos e propor a degustação às cegas deles contra os maiores vinhos do mundo. Ele foi o criador da Cata de Berlin, deugustação às cegas que surpreendeu o mundo quando seus vinhos foram mais bem pontuados que grandes ícones franceses e italianos. Viñedo Chadwick 2000 e Seña 2001 ficaram na frente de vinhos como Lafite-Rothschild, Château Margaux, Château Latour, Sassicaia e Ornelaia. A Cata de Berlin já foi repetida em diversas cidades do mundo, entre elas São Paulo, Tokyo, Toronto, Copenhagen e Pequim. Em todas elas seus vinhos ficaram bem posicionados, na maior parte das vezes à frente de vinhos de muito maior renome e, principalmente, preço. A jornada não terminou, o trabalho de Eduardo Chadwick parece não ter fim e ele continua correndo o mundo e divulgando a qualidade de seus vinhos.

Clique para ampliar

A Caliterra

Como não poderia deixar de ser, o nome Caliterra vem da união das palavras calidad e tierra. Qualidade como objetivo e paixão pelo terroir chileno como base fazem desta vinícola uma eterna batalhadora por produzir cada dia mais vinhos de qualidade de acordo com as tradições chilenas e com práticas que respeitem e valorizem o terreno de sua pátria. Criar vinhos de forma sustentável e respeitando o meio ambiente e o povo chileno é o objetivo da Caliterra.

A vinícola foi estabelecida em 1996, em parceria com Robert Mondavi e para isto foi adquirido todo um vale, em Colchágua, com mais de mil hectares sendo que 75% da terra permanece em sua forma natural servindo de suporte para a vinícola e suas práticas ecológicas.

A empresa iniciou a plantação de vinhedos em 1997, com cerca de 210 hectares e hoje conta com 288 hectares plantados com castas tintas. Para os vinhos brancos a Caliterra possui vinhedos nos vales de Curicó, Leyda e Casablanca.

Desenvolvimento sustentável como base do trabalho

A Caliterra é pioneira no trabalho baseado em sustentabilidade no Chile, sendo uma das primeiras a receber o certificado de sustentabilidade da Vinos de Chile e Vinnova-Tecnovid. Desde a fundação em 1996 o desenvolvimento de práticas sustentáveis é preocupação e objetivo da vinícola. Um trabalho interno desenvolvido em 2008 serviu de base para o código de sustentabilidade que governa a indústria chilena nos dias de hoje.

Clique para ampliar

Uma vertical do Cenit

A Enoteca Decanter de Belo Horizonte promoveu no último dia 16/08/2012 um almoço com a presença do enólogo Rodrigo Zamorano no qual foi apresentada uma vertical com três safras do vinho top da vinícola, o Cenit. Além disso foram servidos um Sauvignon Blanc da linha Tributo Single Vineyard e dois tintos da linha Tributo Edición Limitada.

O Cenit

O Cenit é um projeto relativamente novo e seu primeiro engarrafamento foi em 2005. Cenit é a palavra chilena para o nosso Zênite e representa o ponto mais alto do céu. Este nome mostra a busca incessante pela qualidade nos vinhos de Eduardo Chadwick e da Caliterra.

O vinho apresenta, a cada safra, um corte diferente trazendo as melhores uvas das melhores parcelas daquele ano. O objetivo é trazer o melhor que a Caliterra pode fazer em cada ano.

Clique para ampliar

Os vinhos servidos foram (clicar nos vinhos para ver a avaliação):

Clique para ampliar

O evento mostrou mais uma vez a qualidade das promoções da Enoteca Decanter de Belo Horizonte e o cuidado na escolha no portfólio da Importadora Decanter. A apresentação de Rodrigo Zamorano foi clara, objetiva e bastante informativa. Para quem conhece alguma coisa sobre as empresas de Eduardo Chadwick o evento serviu para consolidar a imagem da paixão pelo vinho, seriedade na condução dos negócios, identificação com o Chile e sucesso na obtenção de produtos de alta qualidade. Quem não conhecia a empresa saiu com a certeza que conhecer os vinhos das demais vinícolas do grupo é uma necessidade.

 

  • Rex Bibendi
  • Enoteca Decanter
  • Vinho Site